TheBoss Extra 002 – Museu Do Videogame E Cobertura Gamepólitan 2013

Nossa pequena cobertura do primeiro grande evento de games que aconteceu em Salvador, o Gamepólitan.

O Cosmic Effect ganhou um estande, o “Museu do Videogame” e eu, Andrey e Danilo geramos algum material em vídeo que gostaríamos de compartilhar com vocês.

Ah, e sim, tem cosplay. E muito Atari…

TheBoss Extra 002

Museu Do Videogame E Cobertura Gamepólitan 2013

 


TheBoss Extra 001 – Entrevista Com Moacyr Alves No Gamepólitan 2013

TheBoss Extra é uma série do nosso canal que apresentará qualquer conteúdo que não se enquadre em reviews de jogos. Eventos, unboxings ou qualquer vídeo aleatório — sempre relacionado aos games, claro — entrará nesta nova numeração.

Os primeiros 3 episódios apresentam a nossa pequena cobertura do Gamepólitan 2013, o primeiro grande evento de jogos que aconteceu em Salvador nos dias 16 e 17 de março.

O Cosmic Effect ganhou um estande, o “Museu do Videogame” e eu, Andrey e Danilo geramos algum material em vídeo que gostaríamos de compartilhar com vocês. Ah, e sim, tem cosplay. E muito Atari.

Começamos com uma rápida entrevista com o Moacyr Alves, presidente da Acigames, mas para nós aqui do CFX ele é o colecionador do pcenginefan.com…

TheBoss Extra 001

Entrevista Com Moacyr Alves No Gamepólitan 2013

 


Lançamento Oficial Do Livro “1984: A Febre Dos Videogames Continua”

Amigos, esta é somente para os privilegiados residentes da cidade de São Paulo: o Marcus Garret estará lançando o 1984: A Febre dos Videogames Continua na Game World 2012, que acontece neste final de semana.

O Marcus estará presente no estande da ACIGAMES, do Moacyr Alves Jr., batendo papo com os visitantes e autografando exemplares nos dias 31 e 1º. Ele fez um preço especial para o evento, para quem adquirir os dois livros.

Para os retrogamers que não poderão pintar no evento, como vocês já sabem, os livros podem ser adquiridos diretamente com o autor no já tradicional euquero1983@gmail.com.

Como prometido, estaremos sorteando em breve exemplares do 1984 aqui no Cosmic Effect e no Gagá Games.

Segue o press release do lançamento que vai fazer a Game World 2012 virar Game World 1984! ^_^

Press Release

Lançamento do livro “1984: A Febre dos Videogames Continua”

O autor independente Marcus Vinicius Garrett Chiado, conhecido no meio do colecionismo de games clássicos como Garrett / Garrettimus, está lançando seu novo livro dedicado ao retrogaming: “1984: A Febre dos Videogames Continua”.

“1984” é a continuação da primeira obra do autor dedicada a historiar os acontecimentos que conduziram ao surgimento do videogame no país, “1983: O Ano dos Videogames no Brasil”, lançada em 2011 e sucesso de vendas. Ela é a sequência do processo de pesquisa e de investigação de nosso passado gamístico. Ao invés de publicar uma segunda edição, Marcus preferiu escrever outro livro, adicionando-lhe fatos extras descobertos posteriormente e complementando-o com histórias ocorridas, de fato, em 1984. Histórias, curiosidades, “causos”, números, valores, entrevistas e fotos, muitas fotos.

O período analisado perfez um ano muito interessante apesar da situação difícil do Brasil – por causa da persistente inflação, da recessão. Várias manchetes de destaque aconteceram por aqui, em especial o movimento pelas votações diretas, o “Diretas Já”. O povo viu a Emenda Dante de Oliveira, a favor das eleições diretas para a presidência da república, ser rejeitada pela Câmara dos Deputados. Por outro lado, coisas felizes também aconteceram, tais como a inauguração do Sambódromo, no Rio de Janeiro, e a vitória do atleta Joaquim Cruz nas Olimpíadas de Los Angeles. Na música, as rádios tocavam os sucessos “Como eu Quero”, do conjunto Kid Abelha e os Abóboras Selvagens, “Bete Balanço”, do Barão Vermelho, e “Me Chama” de Lobão e os Ronaldos.

Após a chegada oficial do videogame ao país, em 1983, tivemos lançamentos bem interessantes no ano seguinte, alguns até inusitados, que são assunto do novo livro.  Novos similares do Atari, como o Dactar, o Onyx Jr. e o Supergame, o novo Intellivision II, cartuchos inéditos para todos os consoles, sistemas de carga de jogos em cassete, como o Supercharger e o Comp-K7, teclados que “transformavam” os videogames em microcomputadores, como o Basic Keyboard da Dynacom, e o “quase” lançamento de um jogo da Turma da Mônica no fim daquele ano.

O autor procurou não repetir passagens destacadas previamente em “1983” nem utilizar imagens e fotos iguais às do primeiro livro. Tencionou trazer à luz fatos redescobertos, melhor explorados – ou, ainda, discutidos pela primeira vez na forma de apanhado histórico. “1984: A Febre dos Videogames Continua” funciona como um misto de segunda edição e de novidade, sendo um balanço ideal entre o material analisado.

O lançamento de “1984” acontecerá nos dias 31/03 e 01/04, no evento Game World 2012, no estande da ACIGAMES (www.acigames.com.br) do empresário Moacyr Alves Jr.

O local do evento: Centro de Convenções do Shopping Frei Caneca, situado à R. Frei Caneca, 569, Consolação, São Paulo. O autor estará no estande para comercializar ambos os livros autografados e bater papo com os visitantes.

Valor dos livros no local:

1983: O Ano dos Videogames no Brasil = R$ 40,00

1984: A Febre dos Videogames Continua = R$ 50,00

Ambos os livros em uma promoção para o evento = R$ 80,00

Mais informações sobre o evento: http://tambordigital.com.br/gameworld_expo_2012

Mais informações sobre o autor e os livros:

Website (em construção): http://www.memoriadovideogame.com.br/

Contato: euquero1983@gmail.com

* * *

1984: A Febre Dos Videogames Continua

Pessoal, há algum tempo entrevistamos o Marcus Garret, autor do excelente 1983: O Ano Dos Videogames No Brasil. O livro, lançado em agosto de 2011 é, sem exageros, leitura obrigatória para todos os retrogamers brazucas. Comprei minha cópia pelo email do Marcus e posso assegurar: cada página é uma viagem no tempo, principalmente aos olhos de quem por acaso viveu aquela época: propagandas animadas com os preços em cruzeiros, os clones de cartuchos/consoles cheios de criatividade e, até mesmo, jogos que só foram lançados aqui no Brasil, em cartucho. Tudo isso e muito mais foi abordado no 1983.

Agora… chegou “a mais alta patente em videogame” ;-)

Marcus Garret nos levará ao ano seguinte da nossa particular história gamística, em um novo livro intitulado 1984: A Febre Dos Videogames Continua. E como continua! Como dá pra ver no pequeno teasing acima da capa do livro (poderá sofrer alterações até o lançamento), há um Onyx Jr adornando o fundo. Para quem não conhece, o Onyx Jr foi um amado clone brasileiro do Atari 2600, de design mais compacto e muito charmoso, com linhas e cores inspiradas na estética do exército.

Lembro de um amiguinho que o possuía e, apesar de acompanhar um joystick meio desajeitado, ele realmente era mais poderoso — sabe por que? Porque só o Onyx Jr tinha um botão de… pausa! Imagina só, o poder de pausar em Megamania durante o ataque daqueles sanduíches amarelos, traçar a melhor “estratégia” com calma e seguir em frente… Certamente, muitas curiosidades e fatos da época serão parte do novo livro do Marcus, que, nas próprias palavras do autor, é uma continuação direta do 1983:

Saiu bastante coisa em 1984, principalmente acessórios e “periféricos” (se é que podemos chamar assim). A guerra dos preços e a competição entre os consoles só aumentou também. Há muitas curiosidades bacanas que, creio, serão de interesse do pessoal que adora a Era Atari.

Este livro será bem mais visual que o primeiro, terá bem mais fotos e detalhes. Pretendo fazê-lo em papel brilhante também, dar um outro acabamento, mas tentar preservar – ao máximo – o preço do primeiro.

A “Era Atari”. Como não adorá-la? :)

Na época da entrevista que fizemos aqui no CFX sobre o 1983, o Marcus estava montando uma lista de interessados através de email. O mesmo acontece agora, com o novo livro: aproveitando o mesmo endereço, o euquero1983@gmail.com, os interessados já podem enviar mensagem informando seu desejo de adquirir um exemplar e incluindo seu endereço para envio (é uma pré-venda). Marcus acredita que o livro estará 100% pronto por volta de 20 de março, seu preço deverá girar em torno de R$ 50,00 (incluindo frete) e ele pretende fazer um descontão para eventuais interessados em adquirir os dois livros de uma vez.

Para os residentes de São Paulo, o Marcus pretende realizar (ainda não confirmado) um lançamento oficial no Game World 2012 que acontecerá entre os dias 30 de março e 1º de abril, no stand da ACI Games (do Moacyr Alves, do Jogo Justo). Neste dia, ele estará autografando exemplares.

Mas não feche esta aba agora!

O Cosmic Effect estará sorteando dois exemplares autografados cedidos gentilmente pelo Marcus para o nosso blog! Assim que o livro sair, teremos um novo post abordando o sorteio, aguardem.

* * *

O Dia Do Jogo Justo

O Dia do Jogo Justo chega para contestar os altos impostos e alavancar a indústria nacional de videogames

Acontece em São Paulo, no dia 29 de janeiro, no auditório da Faculdade Impacta, o Dia do Jogo Justo. Iniciativa da ACIGames e do projeto Jogo Justo.

Com o objetivo de conscientizar o público gamer e a sociedade em geral quanto aos elevados impostos incidentes sobre os consoles e jogos de videogames, por conta de uma visão “desatualizada” em relação aos jogos, herdada pelo país da época em que os primeiros arcades confundiam-se com os salões de cassino e máquinas de azar, acontecerá, no dia 29 de janeiro, o Dia do Jogo Justo (DJJ) no auditório da Faculdade Impacta, em São Paulo.

O projeto do Jogo Justo, liderado por Moacyr Alves e apoiado pela ACIGames, Associação Comercial, Industrial e Cultural de Games, quer despertar e estimular a sociedade para se mobilizar contra a pirataria e fomentar perspectivas promissoras no campo social e empreendedor para a geração de empregos na área de games, bem como a exportação da produção nacional para o mercado mundial.

Além disso, o projeto visa alertar as autoridades competentes, no campo político e tributário, para as graves distorções conceituais dos percentuais de impostos incidentes sobre as novas mídias digitais e jogos eletrônicos e a evidente defasagem tecnológica e comportamental da atualidade vigente no país.

Com a alta carga de impostos, crescem as importações ilegais e floresce um mercado paralelo de reprodução e distribuição de hardware e software com claras consequências na esfera industrial e comercial da nação.

O DJJ será um dia intenso, repleto de atividades para todos os públicos que apreciam jogos digitais e diversão em família. Os interessados já podem se mobilizar, enviando seu vídeo para a promoção “Loucos por Jogo Justo” e concorrer a prêmios (mais detalhes na página do projeto Jogo Justo).

Dia 29 de janeiro: Dia do Jogo Justo. Participe!

Dia do Jogo Justo

Data: 29 de janeiro de 2011, das 9h às 18h.

Local: Faculdade Impacta de Tecnologia

Endereço: Rua Arabé, 71 – Saúde – São Paulo/SP

Informações: www.jogojusto.com.br

Iniciativa do movimento Jogo Justo e da ACIGames – Associação Comercial, Industrial e Cultural de Games

* * *

Vídeo “Loucos Por Jogo Justo”

Amigos do Cosmic Effect, quem a essa altura não conhece o Moacyr Alves Jr., grande colecionador de videogames e “o cara” do Projeto Jogo Justo? O responsável maior por acender as esperanças dos gamers brasileiros sonharem com algum tipo de respeito por parte das autoridades para com nossa diversão (mais que) predileta e que cada vez mais toma conta da sociedade?

Sem mais delongas, apresentamos o vídeo de apenas 2 minutinhos para contribuir com a divulgação do projeto Internet afora. Espero que gostem, está bem “Cosmic Effect”: retrogaming com uma pitadinha de next-gen para dar gosto ;-)

* * *