Anúncios

TheBoss Extra 012 – O PlayStation 4

Todas as gerações do PlayStation em um só vídeo! Do DualShock 1 ao DualShock 4, não perca nosso unboxing que inclui até upgrade do HD do PS4 p/ 1 TB!

Anúncios

23 Respostas

  1. Grande Eric,

    Obrigado por compartilhar esse video com a gente. Também tive a oportunidade de jogar um pouco o PS4, já que o comprei para enviar para um amigo em Salvador.

    Achei o controle sensacional. A resposta dos gatilhos, o formato do controle e a saída de headphone tornaram o DualShock 4 o melhor controle de videogame que já experimentei.

    Joguei Killzone e achei bonito, mas, não joguei muito. Os efeitos de iluminação são fantásticos e o jogo utiliza bem o “touchpad” do controle.

    Qual a marca do HD que você fez o upgrade? Queria ver se há alguma diferença ao instalar um SSD…

    Ah, já vi que em breve teremos um upgrade (de tamanho) do superconsole… ;)

    Curtir

    • @Marcelo: aqui foi testado um PS4 com o HD default, um SSD e um SSHD (que é uma mistura de SSD com HDD), que é a melhor opção, já que os SSD são caríssimos e ainda tem pouco espaço em disco.

      Curtir

      • Excelente vídeo! Eu vou pensar bastante antes de investir em um HD novo pro PS4, já que a diferença de performance não é tão absurda assim. Ah, não conhecia os SSHD! Muito obrigado por compartilhar, Julio!

        Curtir

    • Super Marcelo!

      Joystick beira a perfeição mesmo… a resistência dos analógicos inclusive deu um boost em jogos de nave: dá até pra dispensar o d-pad (que por sinal, melhorou também enormemente?)… você verá em breve no vídeo sobre Resogun…

      Sobre o HD: na verdade, o PS4 era emprestado e o dono já tinha comprado este disco. Ele pegou um híbrido (os famosos SSHDs) de 1 TB da Seagate. A escolha mais sapiente entre custo x benefício, ao que tudo indica (reforçado pelo vídeo que Julio postou abaixo e você já viu também). Abração!

      Curtir

  2. Pra quem tá indeciso entre os dois,PS4 e Xone, é melhor esperar,acho os dois muito parecidos ainda.Vamos ver o que cada console vai nos apresentar daqui pra frente.Putz,que legal vc conseguiu um PS4 pra review Eric,será que sai um de XONE tbm?
    Ia ser ótimo comparar as suas impressões dos dois consoles.Principalmente dos controles!

    Curtir

    • Xbox One já estará pintando por aqui mister Dactar… e pelo jeito já começaremos por um jogo do Super Nintendo, aguarde ;-)

      Curtir

      • Caraca,eu já estava na expectativa do ONE e agora vc fala em Super NES?Nunca vi tanto retrogame na Next Gen!E isso é ótimo,Eric!!!

        Curtir

  3. Show, uma apresentação bem diferenciada do PS4, que apresenta uma evolução enorme em relação ao PS3. Esta bem mais rápido sua navegação e reposta do menu. Os jogos por enquanto nada de surpreendente, mas o console tem grande potencial.

    Curtir

    • E tem mais,o preço dele já está caindo.Já vi anuncio por 3.500,e nem passou Natal ainda,e como o preço dele é mais do que artificial,acredito que o PS4 vai ficar “comprável” ainda em 2014.
      Vamos torcer.

      Curtir

  4. Sempre gosto dos vídeos do CFX, mas este parece ter ido um nível além! :-) Impossível não notar a empolgação do Eric e seus olhos “estalados”.

    O PS4 equivale a 10 PS3. O processador é um “Jaguar”, mas afinal quantos Jaguar equivalem a um PS4? :-)

    Aos 11:20, olha a deixa para a Planet Games, hahaha

    O Eric quase quebrou a redoma do PS4 na BGS, agora tome cuidado para não quebrarem a redoma do Super Console ein!

    Gostei muito do controle, principalmente esse detalhe que parece ser borracha. Não curti esse alto falante, vamos ver como será utilizado.

    Achei bacana também, o fato dele aceitar esse upgrade de HD, isso será essencial nessa geração. Ninguém merece ficar pendurando vários HDs externos num console com o visual tão clean!

    Curtir

    • O upgrade do HD foi de longe o que mais chamou atenção no PS4,além do controle que todo mundo tá falando bem.
      kkkkk sobre a Planet Games,bem que eles poderiam descolar um XONE pra review,né?Quem sabe.

      Curtir

    • > Aos 11:20, olha a deixa para a Planet Games, hahaha

      Fiquei pensando: “que deixa foi essa que Frank pegou?”… fui lá em 11:20 e … “agora só quando aparecer um Xbox One pra gente aqui” AHAHAHAHAHAH! PERFECT!

      Olha, pra ser sincero joguei o Resogun num volume tão alto aqui na sala que nem percebi que tinha um alto falante no joystick, rs…

      E valeu demais pelo seu primeiro parágrafo, Frank, sir!

      Curtir

  5. Acredito que a Sony tenha aprendido com os muitos erros dela na geração anterior.
    Preço alto, um hardware complicado de se desenvolver, arrogância e discursos de uma empresa que se achava a dona absoluta do entretenimento, talvez também devido ao ótimo desempenho do seu console anterior, o PS2.
    O PS3 também sofreu muito com a falta de memória e teve que ter um sistema enxuto, basta apertar o botão da XMB enquanto joga e perceber a lentidão que ela fica, algumas coisas só podem ser feitas sem estar jogando, atualizações de jogos não podem ser feitas em segundo plano, fora que perdeu funções, como o cross chat.
    O fato é que ela nunca ficou parada e correu atrás de muitas coisas como jogos e aperfeiçoamento de sistemas e serviços, como podemos observar com essa line up genial no final da geração do PS3, gráficos lindos e o ótimo serviço Instant Games Collection.
    A PSN amadureceu e aquela invasão que ela sofreu apenas veio para ajudar, pois foi ali que ela abriu os olhos e começou a trabalhar mais intensamente e melhor para os seus consumidores, ela tinha que limpar aquela imagem “queimada” que ficou.
    O PS4 começou a ser desenvolvido muito antes de tudo isso, mas acredito que alguns conceitos foram aparecendo durante o projeto Orbis, com esses acontecimentos em paralelo, o resultado disso é esse console muito bem pensado e integrado, com mais memória, menor, silencioso e muito bonito. Todo marketing foi montado em cima dos jogadores, “for the players”, mas claro que ela sempre quis beliscar uma fatia do bolo “entretenimento multimídia”, mas se isso não for feito em excesso não vejo muito problema, são “casos”, mas nós queremos jogos.
    Isso fica um pouco claro quando vemos o espaço livre que sobra no Xbox One (362GB) e enquanto no PS4 fica 408GB, agora resta saber o motivo de tanta diferença, seriam os apps “tv tv tv” e o sistema Windows que geram toda essa diferença? Seria o sistema mais leve do PS4 baseado em Linux?
    Outra coisa bacana foi a mudança de postura com o pessoal dos indie games, facilitar a vida desses programadores para atrair uma grande atenção dessa cena tão bacana, onde no Steam ela reina absoluta.
    A Microsoft também está facilitando mas ainda hoje aparecem algumas reclamações:

    http://meiobit.com/273555/estudios-reclamam-da-politica-idxbox/

    No fundo creio que não existe empresa “santinha” e nem “bobinha”, ainda acho que a Sony teria um sistema muito parecido com o do Xbox One (jogos bloqueados, sistema always on, etc) e ela só mudou isso momentos antes da sua apresentação na E3, depois que viu a repercussão negativa que teve após a conferência da Microsoft.
    Mas acredito que agora ambos consoles vão caminhar para um mesmo objetivo, o Xbox One ainda tem muito a mostrar com a sua nuvem, a hora que isso começar a funcionar sai de baixo. O PS4 tem o Gaikai e pode trabalhar também com alguma coisa parecida. Quem sai ganhando somos nós jogadores nessa concorrência tão acirrada entre as duas.
    O que não podemos negar por enquanto é que o PS4 chegou forte nessa geração, com um preço melhor, uma mudança significativa no seu controle DS4, uma campanha voltada para os jogos e aquela visão arrogante e orgulhosa parece ter ficado no passado, hoje a parede que existia entre seus executivos com os jogadores parece ter acabado, o que vimos é um começo de geração mais bacana, uma empresa mais próxima e “animada” com seu público, só não foi melhor pela falta de mais títulos disponíveis no lançamento (apesar de ainda ser muito maior que seus consoles anteriores), mas como sabemos, com uma arquitetura mais amigável o tempo de produção dos jogos vai diminuir drasticamente e ano que vem começa uma enxurrada de novos jogos, sejam os grandes títulos firsts, thirds parties ou da sua cereja do bolo, os indies games.
    Só acho uma pena todas essas coisas bacanas terem sidos ofuscadas em um único país no mundo inteiro por causa do preço abusivo, é triste ver como os 4K parece ter feito tudo isso que foi planejado e trabalhado durante anos virar cinzas de uma hora pra outra, e no fim ficamos um pouco com aquele gosto amargo de ser brasileiro falando financeiramente.
    Parabéns pelo vídeo Eric, toda essência do PS4 foi exposta através de duas palavras, não poderia ter ficado melhor. ;)

    Curtir

    • Julio fez um resumo do “salto alto” da Sony depois de dominar o mundo com PS1 e PS2 em sequência e da redenção “pós problema de segurança da PSN” com o PS3 — até chegar ao PS4 que é uma joia rara: um console com ares de “videogame perfeito”. Concordo totalmente com tudo que disse acima, um resumo “sapiente” da coisa toda. Não tenham medo do tamanho do texto, reforço: leiam o comentário do Julio. Abração e foi por pouco que aquela redoma não se despedaça e a gente ia sortear um PS4 ali mesmo :P

      Curtir

    • Realmente, a Sony foi muito arrogante no começo da geração passada. Minha preferência foi pelo Xbox 360 por não ter possuído nem PS1 nem o PS2 (mas pude jogar bastante com os amigos), mas principalmente por causa dos FPS, Halo incluso. Ainda assim, tinha planos para comprar um PS3, mas veja que ironia: eu queria aproveitar o custo x benefício, iria comprá-lo para usar como player de Blu-ray também. O balde de água fria veio ao saber que os DVDs nacionais não seriam lidos nele (minha coleção de filmes ainda é esmagadora de DVDs). Como tinha comprado uma TV LCD para jogar Xbox 360, obrigatoriamente tive que comprar um player com conexão HDMI e aí acabei investindo num Blu-ray Samsung por um preço bem menor :-(

      E hoje, por incrível que pareça, tenho essa mesma visão ao cogitar a compra de um novo console da next-gen e, novamente, acabo pendendo para o lado do XONE por causa de todos recursos multimídia (ainda que bem capados) e por seu joystick (pois continuo grande fã dos FPS no console).

      Mas não há como negar, visando apenas video game, o PS4 é uma ótima pedida!

      PS (N): Esse papo acabou me lembrando da época das falhas de segurança da PSN e, consequentemente, da época que ela ficou fora do ar, vale a pena assistir esse vídeo que já virou retrô:

      https://cosmiceffect.com.br/2011/04/30/cosmic-fast-7-essa-tal-de-psn/

      Curtir

    • A invasão da PSN foi coisa de filme,até o pessoal Sony veio a público pedir desculpas e tal,foi tenso.Algo muito importante que vc citou foi o tamanho do PS4,ele já nasceu SLIM de certa forma,né?Sem falar que o PS4 parece estar realmente focado em games,o XONE está apostando forte também na experiência geral de entretenimento,não estou dizendo que está errado mas espero que não prejudique o lado GAMES da coisa,olha lá Microsoft he he he.

      …No fundo creio que não existe empresa “santinha” e nem “bobinha”…

      Vc tem razão,e por isso que eu dou importância a filosofia da empresa e sua reputação.Olha,eu não acredito que Sony mudou tudo na última hora por causa da má repercussão do caso XONE,mas se isso aconteceu mesmo(vai saber né?,a Microsoft serviu como “boi de piranha” he he he e deu certo.
      Julio,seu otimismo e animação com o PS4 é totalmente justificável,eu também estou assim.Parece que a Sony chegou ao auge do seu “condicionamento físico” e tem tudo para vender muito mesmo.Sobre o preço do PS4 no Brasil(“PS4” é engraçado,he he he o símbolo $,fica exatamente em cima do 4,basta um erro no shift,e tudo fica bem mais Brasil,he he he) o que atrapalha é que perdemos a garantia por aqui,já que muitos de nós vamos comprar via importação ou em lojas by Sta Efigênia,o preço assim(nestes lugares) tende a cair muito,com certeza,mas a garantia de ter um produto oficial no Brasil vai embora.
      O PS3 demorou mas chegou oficialmente por aqui,e pode ser que a Sony não queira que o PS4 fale português,coma pão de queijo e misture o feijão preto com o arroz.
      Abraço Julio!

      Curtir

  6. Bem bacana o unboxing do PS4 e passando uma geral nos PS anteriores. Mas me tirem uma dúvida: é tão simples assim trocar o HD do PS4? O “Dashboard” fica guardado em outro chip de memória do console?

    Curtir

    • Simplíssimo, mister João. Bem “user-oriented” mesmo. Sobre o “dashboard”, após trocar o disco, basta espetar um pendrive com a firmware pré-baixada nele e o console sabe o que fazer. Feito pra usuário mesmo, muito eficiente.

      Curtir

  7. É uma pena pois se todos vissem mais pelo numeros de jogadores em potencial no Brasil seria ótimo ver um console nacional por pelo menos 1000 reais, até 1200 passa.

    Console bonito, o controle já não vejo ele com bons olhos, por mais que seja bacana.

    Enfim, vou esperar para ver o que acontece mas todos pelas opiniões estão de parabéns.

    Ei Eric, ganhou o PC Engine para pegar poeira né.
    Já estou com o meu aqui e já veio 2 cards com jogos bacanas.

    To vendo se consigo mais jogos pra ele.

    Abraço amigo e esperando matérias sobre o NEC PC Engine.

    Você tem me decepcionado um pouco, mesmo você justificando que precisamos de novidades e bla bla bla.

    Se eu fosse os consoles que estão no seu super console, eu iria sair do Super Console e não voltaria mais além de te dar um belo de um susto.

    Apesar das piadas um abraço e excelentes videos com sempre

    Curtir

    • Brigadão pelos elogios aos vídeos Ulisses! Sobre os vídeos do canal, eles não necessariamente refletem o que estou jogando no momento (nenhum console aqui está “pegando poeira”, jogo diversos diariamente, mas nem tudo tenho como fazer vídeo sobre ^_^) Abração meu velho!

      Curtir

      • Isso eu sei, to zoando. Até cogitei um PS4 mas vou esperar mais. O da XOne eu não gostei das instalações, demoram e sou meio que anti Windows apesar de usar sempre por causa do trabalho.

        Abraço meu amigo retro bahiano.

        Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: