Anúncios

Cosmic Cast #45 – Silpheed & Project Sylpheed

Silpheed, um jogo de nave exclusivo (nos consoles) da Game Arts para o SEGA CD e Project Sylpheed, um presente da Square Enix exclusivo para o Xbox 360, que conta com, entre os desenvolvedores, parte da turma que produziu o original para o acessório do Mega Drive.

Viaje conosco neste tiroteio espacial de alto calibre, seja em 2D com vetores de baixíssima resolução ou em três dimensões com resolução HD e cutscenes padrão Square Enix em um shmup 3D.

Anúncios

15 Respostas

  1. Olha só: sempre via esse Project Sylpheed quando fazia buscas de jogos de Xbox 360 filtrando por preços. Mas como nunca tinha ouvido ninguém falar dele, pensava que era mais um daqueles jogos encalhados que ninguém quer. Se soubesse que era uma continuação espiritual de uma franquia ou se tivesse visto uma apresentação como essa antes, teria dado mais atenção a ele :-)

    Gosto muito de jogos neste gênero, apesar de achar a jogabilidade de alguns deles bem confusa. Parece ser bem legal e difícil esse aí. Me lembrou o Strike Suit Infinity que estou jogando atualmente. Ficou muito legal a filmagem em perspectiva com os joysticks :-) Deu aquele climão de cockpit, hehehe. Quando criança, costumava sentar no chão e tombava uma cadeira ou duas para simular um cockpit enquanto jogava Starfox de SNES, hahaha

    Curtir

  2. “Essa música…” não tive SCD,mesmo assim,essa música…
    Na fase 4 algo me lembrou ali o Zaxxon :) claro excetuando a parte do “portões enormes” incrível para o Mega Drive.E o momento risos do cast foi o Game Auver,erros em texto a gente meio que está acostumado,desde o NES,mas em áudio fica muito mais engraçado.Silpheed ou Sylpheed vale muito a pena!Grande review Eric!Até me motivou buscar emulação dele.
    Ah! e não precisava da seta,kkkk

    Curtir

    • @FrankCastle Essa do “cockpit simulado de Star Fox” foi IMPAGÁVEL! Rapaz, curiosamente o Sylpheed do 360 traz toda essa magia grandiosa de um Star Fox, Galaxy Force e dos simuladores de combate de Star Wars da era dourada (X-Wing, Tie Fighter) — tudo no mesmo disco de retail! :)

      @Ulisses Dactar “Auver” foi demais hein Dactar, rs, e de fato a seta vermelha foi um desperdício de recursos de renderização do vídeo ;-) abração

      Curtir

  3. Bem bacana o vídeo. Sempre achei que o Silpheed do Sega CD misturava polígonos com fullmotion video, mas é todo poligonal! O Sega CD tinha jogos que exploravam bem o CPU mais potente do periférico, mas como boa parte deles eram “versões CD” de games do Mega Drive, acabou deixando a impressão de que as únicas vantagens eram os filminhos e as músicas/efeitos sonoros.

    Culpa da Sega também, que ao invés de aumentar o suporte ao aparelho, resolveu lançar o 32X…

    Curtir

    • Já joguei o Silpheed através de emulador e também acredito que o fundo é um vídeo, tanto que se percebe a diferença do framerate entre o vídeo e as naves poligonais. Particularmente acho que essa utilização do vídeo full motion foi muito bem explorada neste jogo.

      Curtir

      • Fiquei tão curioso com essa parada dos cenários de fundo que acabei baixando o game aqui (pra jogar via emu). Polígonos MESMO só devem ser das navinhas e de alguns objetos, o resto deve ser vídeo pré-gravado. Mas a sacada da Games Arts foi ter feito esses vídeos propositalmente com gráficos chapadões, passando a impressão de que são gerados em tempo real. Ótima decisão, gráficos mais “realistas” não só iriam destoar como também provavelmente ficariam bem granulados.

        De qualquer forma, achei o visual muito bonito (japonês manja pra caraca dessas paradas espaciais), e a nave Silpheed realmente tem um visual caprichado. Também achei bacana a trilha sonora e os diálogos digitalizados, conferindo urgência a ação.

        Aliás, lembro que chamava esse jogo (apesar de só ter visto em revistas de games na época) de “SipRED”…

        Curtir

    • Isso mesmo João, é um mix de polígonos renderizados em tempo real com um pré-renderizado ao fundo a uma taxa de, suspeito eu subjetivamente, 15 quadros. Mesmo assim, certamente há um codec de vídeo que “abusa” do 68000 (assumo eu que o vídeo não seja raw) em alguns momentos. É difícil dizer, em fóruns por aí a turma não garante essa informação, também não garante se algum jogo por ventura teria usado ambos motorolas (o de 7.5 do MD + o de 12 do SCD) com alguma forma de simultaneidade…. muitos mistérios cercam o HW da SEGA dos anos 90 :) Abração João!

      Curtir

  4. Muito legal esse episódio do Cosmic Cast.

    Eu me lembro de ter visto/ouvido falar do Silpheed na época do Sega CD, mas não tive a oportunidade de jogá-lo. Aliás, só um amigo tinha o Sega CD e um dos poucos jogos que joguei com mais dedicação foi Sonic CD e isso marcou a minha vida…

    No artigo abaixo eu mostro toda a minha admiração pelo Sonic CD:

    http://www.thepodquest.com/2012/02/musical-box-04-sonic-boom.html

    O jogo de Xbox 360 parece ser muito interessante. Jogaria facilmente se não fosse exclusivo pra Xbox. Aliás, Eric, você me lembrou que preciso dar uma chance a um simulador de naves/aviões. Nesta geração ainda não joguei nenhum, já que a fila de jogos é imensa. Ace Combat: Assault Horizon parece ser um jogaço.

    Curtir

    • Valeu Marcelo e amigo, é difícil mesmo jogar um simulador de combate hoje em dia, taí você a procura de um. Eu quem fiquei curioso com relação ao Ace Combat, dando uma olhada em videos dele agora.

      Bom saber que você é fã de Sonic Boom também! Costumam preferir a versão japonesa da abertura mas eu sou um dos que prefere a americana mesmo, assim como você, acredito :) (aliás, excelente artigo acerca do impacto do Sonic CD na video game music). Abração.

      Curtir

  5. Tem um Fan Site de Silpheed que traz as Soundtracks e tem até um pessoal que montou umas miniaturas das navezinhas,os caras amam Silpheed!
    Pra quem não conhece.
    http://migre.me/fwjuY

    Réplica da SA-77D (Sega CD)
    http://migre.me/fwjJJ

    Eu já baixei a OST que não vai sair do meu MP3 tão cedo rs.

    Curtir

  6. Ficou muito foda a parte do H.E.R.O com Street Fighter na abertura, ai ai Andrey…rs
    E mais uma análise de um Shmup, e laia, isso que é paixão…hehe
    Rapaz, que jogo bonito esse Silpheed heim, nunca joguei Star Fox mas lembrei dele não sei porque, pra falar a verdade não conhecia esse jogo. =D
    E foi bacana a fidelidade do original ser mantida (e porque não também aperfeiçoada) em Project Sylpheed do X360 (lindão aquele fundão do cenário cheio de estrelas)!
    Tem horas que é tanta coisa na tela que parece ser um pouco confuso saber no que você está realmente atirando, mas cá entre nós, tem horas que essa é a parte mais legal desses jogos…rs
    “E todas elas são míopes, heim, que coisa!”…hahaha
    Valeu mister Eric e CFX Team por mais esse Cosmic Cast.

    Curtir

    • “…cenário cheio de estrelas” -> rapaz, que bom que você comentou. Não saberia dizer porque (arte?), mas é o “jogo espacial com os cenários estelares mais charmosos que já vi”.

      E acredite Julio, após 1-2 horas de jogo você “enxerga” tudo direitinho naquela confusão. É o grande atrativo. Abração meu velho.

      Curtir

  7. Estava com saudade do Cosmic Cast! Muito legal esse Silpheed, com certeza é um dos jogos que fazia valer a pena comprar um SEGA CD. O Project Sylpheed me lembrou Star Fox 64 naquelas fases em que vc podia andar livre com a nave, mas pelo visto ele é bem mais complexo. Colocar cutscenes estilo RPG em um jogo de nave foi uma idéia muito boa, pelo visto foi pouca explorada pela outras produtoras.

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: