Anúncios

Gamesfera 003 – Quem Manda Mesmo É O Dedo No Botão

Neste momento da história dos videogames, temos um real candidato para substituir o bom e velho gamepad?

Anúncios

6 Respostas

  1. Muito relevante essa reflexão / análise! Sempre fui um grande entusiasta do Kinect… mas não para jogos! Acho que ele é uma ótima interface para alguns comandos, mas vejo que ele pode ser melhor aplicado em software, controle de aparelhos multimídia, essas coisas. Para jogos ditos “hardcore”, esses sensores não nos dão a precisão necessária.

    Porém, já nos jogos casuais de tablets, a simplicidade e intuição na tela de toque, pode tirar o medo daquelas pessoas que não jogam videogames por se assustarem ao ver tantos botões num joystick.

    Acho que esse modelo de gamepad na linha do Xbox 360 / PS3 deve reinar por muito tempo. Outro joystick que já vi ótimas críticas é o do Game Cube.

    Curtir

  2. É isso aí!
    E falando em botões,presto minha homenagem ao controle do Super Nintendo e o do Playstation.Os melhores controles que joguei.Ainda bem que,em geral,todos os principais consoles tiveram controles de primeira qualidade.

    Curtir

  3. Olá boa tarde.
    Eu não sou muito fã de críticas mas eu acho que as construtivas são sempre bem vindas.
    A comparação que vou fazer é apenas para exprimir melhor o que eu quero dizer.

    Vamos lá: Eu acho que tacar todos os vídeos na página principal(home) embaralha tudo, parece um caça níquel/carnaval seja la o que for. E msm com um dual core ainda fica meio pesado.

    Vc bem que poderia deixar apenas uma SS do vídeo ou nem isso, e o vídeo em si só apareceria na página individual do post, aquela que aparece quando clicamos em ler mais.
    E o modelo de post focado só em video é meio ruim, na internet agente gosta de ler também.

    Sugiro que se inspire um pouco no finado gagagames.

    Curtir

    • Olá Maurício!

      Sinta-se à vontade por aqui amigo, obrigado pelos comentários.

      Só preciso que me explique melhor o “todos os vídeos na página principal” se refere à página principal do YouTube do nosso canal ou aqui mesmo do Cosmic Effect? De qualquer maneira: o principal conteúdo gerado por nós, atualmente (e há mais de 1 ano na verdade…) são vídeos, veja (senta que lá vem história, rsrs):

      Este blog/site começou em fevereiro de 2010, com artigos sobre jogos clássicos e novos escritos por mim e alguns amigos. Logo em junho do mesmo ano (ou seja, 4 meses depois), começamos o canal do YouTube “Cosmic Effect”. Aos poucos, o foco foi mudando *espontaneamente* para a produção de vídeos, pois desde o Mega Drive eu adorava gravar o gameplay com o Mega Drive conectado ao VHS. Pegava um aparelho de VHS emprestado e depois editava o gameplay (um destes “gameplay em VHS” meu está aqui no YouTube, acredite, diretamente de 1992, sem youtube: http://bit.ly/13bpZY2 ^_^)

      Saí do tópico apenas para ilustrar minha vontade de produzir vídeos sobre jogos de videogame e que não foi apenas por “modinha de fazer vídeo sobre videogame no youtube”… isso é o que explica o foco maior deste pequeno site que aqui está ter se movido — novamente — *espontaneamente* para os vídeos.

      Nestes 3 anos, fizemos (eu e os colegas que fazem o CFX comigo) muitos amigos por aqui e curtimos demais conversar sobre os episódios aqui nos comentários do próprio blog (muitos amigos não comentam no youtube e deixam para comentar aqui, por simples questão de preferência/hábito de alguns deles e nós adoramos isso).

      Por este motivo e pelo fato de ser um conteúdo que naturalmente evoluimos e passamos a fazer mais, todos os vídeos são postados aqui e, também, devidamente organizados e indexados na página fixa “Videocasts” (aba acima do banner). Inclusive, esta arrumação sensacional que você pode conferir nesta página fixa é realizada por um amigo/leitor nosso, o Frank Castle.

      O “parece um caça-níquel”, desculpe-me Maurício, mas sinto dizer-lhe que não recebo/recebi sequer 1 centavo (*literalmente*) por todo este conteúdo produzido nestes 3 anos e meio de CosmicEffect.com.br *e* canal de youtube. Inclusive, não coloco anúncios aqui (nunca colocarei) em respeito à pequena comunidade que conseguimos unir (nota: os anúncios que você vê por aqui são do WordPress, pois uso o modelo gratuito de hospedagem e isso vem em troca). Na verdade, tenho alguns custos fixos para manter o domínio ‘cosmiceffect.com.br’ inclusive, mas isso não vem ao caso pois faço com muito prazer. Honestamente, sequer entendi o que quis dizer com esta comparação pois nunca algo do tipo me passou pela cabeça com o CosmicEffect.com.br :( Este domínio de Internet é praticamente minha “segunda casa”, e nela adoro receber meus amigos, nada mais que isso.

      Sobre o Gagá Games, na verdade eu “não deveria me inspirar nele” não: eu ME INSPIREI nele e faço isso desde sempre! Ele (o Orakio Rob, o “Gagá” por trás do Gagá Games) é um GRANDE amigo pessoal e que, por sinal, também faz parte do Cosmic Effect há bastante tempo — desde quando o Gagá Games era constantemente atualizado

      Eu também era colaborador do blog dele, somos parceiros antigos e aprendi muito com ele. Na verdade, aprendo ainda, pois ele participa da produção inclusive dos vídeos (no ‘backstage’), note que é creditado nos episódios. Ah! E ele escreve eventualmente (ultimamente, por sinal, com bastante frequência) por aqui, inclusive… um post dele sai, tipo, após eu terminar este comentário! ^_^

      Desculpe-me alongar a resposta Maurício. Mais uma vez, sinta-se à vontade por aqui, nossa curtição no CosmicEffect.com.br é a pequena comunidade de pessoas *sensacionais* que nos enriquece mutuamente através do prazer de falar sobre jogos eletrônicos. Por aqui, nosso objetivo é aprendermos todos juntos (eu sei, parece piegas, mas honestamente, é a melhor maneira de exprimir o sentimento do nosso pequenino blog ^_^).

      Espero que tenha conseguido explicar a proposta do nosso pequeno site e seja sempre bem-vindo por aqui pra papear conosco! Abração!

      Curtir

  4. Há jogos que são praticamente impossíveis de se jogar sem um bom joystick. Quando o Wii surgiu e em seguida veio o Kinect, muitas pessoas falaram que os controles estavam com os dias contados, passado esse deslumbramento inicial com os controles de movimento e o Kinect, acho que a maioria percebeu que não há nada melhor para se jogar videogame do que um joystick, não é atoa que o Wii U possui um controle tradicional vendido separadamente.

    Curtir

  5. Odeio ver hoje quando algo tenta fugir do joystiq padrão, ou seja usando o Kinect ou usando o PS Move.
    Eu amo de verdade sentar no sofá, esticar as pernas e jogar apertando apenas os botões do joystiq normal.
    Mas é claro que não vou ser imbecil de não aceitar novas experiências, acho que se existir um público que curte não vejo porque não ter.
    Hoje muita gente está empolgada com o Oculus Rift, acredito que ele deve ser bem bacana, a imersão deve ser demais, mas eu não me empolgo muito com essas coisas, acredito que elas enjoam com mais facilidade após um tempo, e no final voltaremos pro bom e velho sofá…rs
    Abração Arnaldo e CFX Team, bem legal mesmo!!

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: