Anúncios

Chrono Trigger (SNES)

Uma Viagem no Tempo…

Por Marcelo Araújo

Já faz 15 anos que Chrono Trigger foi lançado no Japão, pela Squaresoft. Esse RPG, que é considerado um dos melhores RPGs de todos os tempos, foi desenvolvido pelo “dream team”, formado por:

a) Hironobu Sakaguchi: criador da série Final Fantasy. Seus projetos mais recentes foram Blue Dragon e Lost Odyssey, ambos para o Xbox 360;
b) Yuji Horii: diretor da série Dragon Quest;
c) Akira Toriyama: criador de alguns animes, como Dragon Ball;
d) Kazuhiko Aoki;
e) Nobuo Uematsu: compositor da trilha sonora de alguns jogos, como Final Fantasy. Tem uma banda de game music chamada “The Black Mages”.

Chrono Trigger, além de ter uma história marcante e ser um RPG que prende o jogador do início ao fim, marcou época em vários aspectos. Dentre eles, podemos citar: múltiplos finais (são 13 finais diferentes disponíveis a partir do término do jogo), inexistência de batalhas dentro do mapa (aquelas que começam de forma aleatória), história espetacular e uma trilha sonora empolgante. Há também alguns eventos opcionais que podem ser resolvidos durante o jogo, ocasionando mudanças em alguns finais.Ao contrário de alguns RPGs, em que a história demora de engrenar, em Chrono Trigger a ação é imediata. Em menos de 30 minutos de jogo, ela já começa e o jogador já se vê preso à história, realmente com pena de desligar o console…

O jogo começa no ano de 1000 AD, no reino de Guardia, no dia em que acontece a Millenium Fair (feira do milênio). Cronos (o protagonista) vai à feira e lá conhece a nova invenção de sua amiga Lucca: uma máquina de viagem no tempo. E aí tudo começa…

O único defeito do jogo é que ele, infelizmente, tem curta duração. Longe dos RPGs atuais, em que se leva, pelo menos, umas 60 horas de jogo, Chrono Trigger tem uma média de 15 horas.

Oficialmente, foram lançadas 2 continuações: Chrono Cross, para o psOne, e o Radical Dreamers, para o Satellaview. Esse último, disponível apenas em japonês (depois me perguntam o porquê de eu querer aprender japonês)…

Uma comunidade de fãs do Chrono Trigger começou a desenvolver um remake para ele, chamado Chrono Resurrection (http://www.opcoder.com/projects/chrono), que foi barrado pela Square.

O motivo de eu ter feito esse pequeno review hoje é que o meu Chrono Trigger acabou de chegar. Daí, para “comemorar”, resolvi escrever esse post :)

(Esse post foi retirado do meu “antigo” blog, o videogames-ever).

* * *

Anúncios

6 Respostas

  1. Rapaz, uma das melhores cosias de fazer um blog é conhecer outros de assuntos semelhantes. Você tem muita coisa boa por aqui. O único contra é que vou perder bastante tempo dando uma olhada, heheheh.
    Embora eu não fale tanto de videogames (ou video-games, né, heheheh) não deixo de ter minha coleção, onde infelizmente ainda falta um Chrono Trigger (mas tem espaço para um Chrono Cross original :). Sou um daqueles SEGA fanboys, mas já meio arrependido de nunca ter tido um snes.
    Parabéns pela aquisição, CT está no meu top10 particular e muito sinto por não ver o dreamteam reúnido novamente.
    Vou vincular o twitter no meu blog ainda hoje.
    Grande abraço!

    Curtir

    • Beleza Zé!

      Olha, me identifiquei muito com sua frase “sou um daqueles SEGA fanboys, mas meio arrependido de não ter tido um SNES”…

      Clique na aba “SuperConsole” acima da logo do site, você que é fanboy da SEGA e PCzista vai gostar do que vai ver lá…

      Abração!

      (já tou te seguindo)

      Curtir

  2. 13 anos? CT é de 1995. :)

    Curtir

    • Olá. Esse post foi retirado do meu antigo blog. Eu o escrevi em 2008. Então, a conta está certa :) Mas, vou atualizar esse post daqui p/ não gerar confusões.
      Grato pela observação.

      Curtir

  3. outra, Nobuo Uematsu tem participação bem pequena aqui. Foi a grande estréia de Yasunori Mitsuda e ele ainda rendeu as excelentes trilhas de Xenogears e Chrono Cross no PS1.

    Curtir

  4. Esse jogo é demais!!
    Só ver a imagem e o tema de abertura já sai tocando na cabeça…
    impressionante…
    saudades.

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: