Anúncios

Cosmic Cast #37 – Super Star Shooter

E um jogo de nave perdido na riquíssima cena amadora de jogos exclusivos do Wii? Amigos, convido-lhes para um passeio conosco em um despretencioso e — sem querer forçar trocadilho — preciosista  shmup japonês, o Super Star Shooter.

Jogo de 2010 mas que, justamente por não forçar a barra para ser nostálgico, o faz com a naturalidade que só um programador (e músico) japonês poderia.

E que game music de qualidade, meus amigos: as músicas deste jogo parecem ter sido “teletransportadas” dos anos 80 diretamente para seu Wii. Aumente o volume e viaje conosco na homenagem que Super Star Shooter faz aos nossos amados jogos de nave no…

Cosmic Cast

Episódio #37: Super Star Shooter

Cliquem em Gostei no YouTube!

* * *

Anúncios

51 Respostas

  1. shmup? Japonês? Nostálgico/retrogamer? game music de qualidade? E o mais importante: tudo isso condensado em um novo Cosmic Cast? Já estou baixando!!!!

    E antes que me cobrem: Essa semana termino o próximo artigo do “Relíquias do MAME”. E estou iniciando outro post sobre um jogo lançado para um computador obscuro japonês, mas que tem todos os atributos de um Arcade. E mais outro que têm a ver com um pequeno projeto meu. Dica; Twin Galaxies! =D

    Aguardem!

    Curtir

  2. Eric,

    Obrigado por compartilhar esse jogo conosco. Eu jamais saberia da sua existência se não fosse o Cosmic Effect.

    Achei o conceito bem interessante para um jogo de nave com scroll vertical. O cronômetro é uma inovação interessante, que até então não tinha visto em jogos deste gênero. O som é realmente muito bom e me pergunto se o pessoal usou emuladores de synth ou se eles têm o equipo velho na casa deles lá no Japão…

    Sobre Xevious, impossível não se lembrar dessa música e SFX assim quando você entrava numa loja de fliperama…

    Depois publica a resposta dele, tudo bem?

    Abraços!

    Curtir

    • Questionamento interessante este Marcelo — será que usaram algum synth velhinho de verdade? Curiosamente, suspeito intuitivamente de ter notado aquele “warm feeling” nas músicas (mais fácil de perceber aqui editando, claro) típico de uma fonte analógica — ou seja, talvez não fosse um render de um VST e sim uma possível gravação analógica?

      Rapaz é mesmo, música e sons de Xevious poderiam ser rebatizados para “Tema de Fliperama”… :)

      Valeu, publico sim a resposta do japonês! Ainda nada, por sinal… Abração!

      Curtir

  3. bacana esse Super Star Shooter(os programadores estavam sem criatividade para bolar um nome melhor?) pena que eu não tenha um Wii. mas um belo e detalhado vídeo como sempre.

    Hee-Hoo, Eric Cosmonal.

    Curtir

    • Tudo bem Leandro? Sobre o nome eu acho que foi uma forte influência de -Super Star Soldier- um clássico muito amado no Japão, e como o programador é japonês acho que pode ter sido isso.Se eu não me engano Super Star Soldier saiu apenas para PC Engine,um console de japonês feito pra Japonês.Não conheço muita coisa no Turbo Grafx 16 a versão americana do console.

      Curtir

      • @Leandro alves (@cybertechwyvern) Hehe, também achei bem “curioso” o nome do jogo, Leandro, bem japonês, rsrs. mas parece que o lance que Dactar menciona, é por conta do Star Soldier do NES e mais tarde Super Star Soldier do TG-16. Valeu mesmo mister Leandro!

        Curtir

  4. Só falta inserir fichas no console!

    Muito interessante esse jogo. Resgata aquele estilo Starforce-Zanac-Xevious.
    Grande sacada esse lance da superbomba. Era o que limpava a área antigamente! Lembro de Vulgus(Arcade), TerraCresta(TK), LightingForce(Arcade) e a música de ThunderForce III do Mega é de Tomomi Otami, se não me falhe a memoria de tanto ler os créditos.

    SuperStarShooters é praticamente um port direto do Arcade-MSX-TK-NES-MEGA para o Wii.

    Valeu!

    Curtir

  5. Como esperado, mais um conteúdo de qualidade trazido pelo Cosmic Effect Team!

    Não tinha a menor idéia dessa comunidade indie presente no Wii, com “homebrew channel” e tudo! Me fez até reconsiderar a compra de um Wii, já que tinha desistido em virtude da iminência do Wii U.

    E esse jogo é ótimo mesmo. Um verdadeiro ode aos shoot’em ups clássicos da década de 80/90. Não apenas em relação aos jogos e a sua estrutura, mas também em relação a toda a cultura que permeava (e ainda permeia) eles, especialmente em relação a corrida contra o tempo, comum nos campeonatos ministrados nessa época. Da até para se sentir em um deles, hehehe…

    No vídeo você citou várias referências vistas nesse jogo, mas eu identifico mais um jogo antigo que o inspirou: o sensacional “Blazing Lasers”, do PC-Engine:

    Como esperado, mais um conteúdo de qualidade trazido pelo Cosmic Effect Team!

    Não tinha a menor idéia dessa comunidade indie presente no Wii, com “homebrew channel” e tudo! Me fez até reconsiderar a compra de um Wii, já que tinha desistido em virtude da iminência do Wii U.

    E esse jogo é ótimo mesmo. Um verdadeiro ode aos shoot’em ups clássicos da década de 80/90. Não apenas em relação aos jogos e a sua estrutura, mas também em relação a toda a cultura que permeava (e ainda permeia) eles, especialmente em relação a corrida contra o tempo, comum nos campeonatos ministrados nessa época. Da até para se sentir em um deles, hehehe…

    No vídeo você citou várias referências vistas nesse jogo, mas eu identifico mais um jogo antigo que o inspirou: o sensacional “Blazing Lasers”, do PC-Engine:

    A minha empolgação com o jogo (e com o vídeo) foi tanta que, depois de algum tempo sem mexer nele, desencavei o meu Top-Game VG 9000 (duas entradas – 60 e 72 pinos – rules)…

    …liguei na TV…

    …peguei o “Super Xevious”…

    …e o Star Force (sei que não é original, mas ainda dá um bom caldo! =D)…

    …e joguei ambas até cansar.

    Infelizmente não fiz um vídeo disso, mas prometo que faço futuramente. Não vai ser um longplay de respeito (ainda estou aprendendo as nuances dos jogos), e nem vai ser da qualidade incontestável do Cosmic Effect, mas pode ser suficiente para dar algumas risadas. =D

    Enfim, termino esse post cheio de links com mais um parabéns a você Cosmonal (e para o resto da equipe) por nos proporcionarem esse conteúdo de qualidade.

    Curtir

    • Também tive um console desses (o meu primeiro console). Cara, que lindo esse case e esse cartucho do Xevious, parabéns!

      Curtir

    • Adney meu Turbo Game era EXATAMENTE IGUAL a esse!!!Eu lembro bem da etiqueta “…o uso de cartuchos de má qualidade provoca serios danos ao aparelho…” Ha ha ha o console é uma cópia sem licença da Nintendo e tem um adaptador interno JAP/USA dentro que também não tinha licença alguma,enfim eu adorava este console,nunca deu problema,foi meu segundo console.

      Curtir

    • @Andrey Santos Caramba Andrey, “Tomomi Otami” valeu pela info, lendo aqui vi que compôs do Thunder Force II, III, IV… um gênio!

      @Adney Luís (@adneybr) Muito observador como sempre, o lance do “time attack” parece fazer mímica ao lance dos jogos de nave para campeonatos por lá!

      Caramba, muito MESMO do Blazing Lasers, eita! Padrões dos inimigo, etc, sensacional. Certamente uma das principais, senão a principal inspiração mesmo.

      Uaaaaauuuuu!!! VG9000 com Star Force e Super Xevious!!! Caraca, que beleza Adney! Pô, faltou só uma fotinha da tela, por favor, por favor!!! :D Ou então o vídeo, mas se não der, “atualiza nóis” aqui com uma fotinha da tela, deu água na boca!!!

      Pô Adney, valeu mesmo pela empolgação e pelo seu post! Que pérola esse Super Xevious original hein!!!!!!

      Curtir

  6. Amo jogos de nave! E é triste ver que cada vez mais esse gênero não esta nos planos das grandes softhouses. Por sorte os desenvolvedores indie estão preenchendo essa lacuna.

    Curtir

  7. NOOOOSSSAAA senhora.

    Acabei de assistir. São meia noite e quatro de terça para quarta feira e apesar de normalmente ponderar para escrever o comentário aqui, este me pegou totalmente de surpresa (sério, Eric só mencionou que o novo episódio era sobre um jogo de nave de Wii. Nada sobre ser homebrew).

    Um jogo como este e o cara diz para NÃO mandar doações mostra a verdadeira paixão pelos video games. Uma pena que cedi meu Wii, mas nem tudo está perdido. Nem que tenha que baixar emulador ou achar versão portada preciso experimentar esta verdadeira pérola.

    Sobre o Ouya, este console precisa vir logo. Quem não conhece o projeto dá uma olhada aqui (em inglês) http://www.kickstarter.com/projects/ouya/ouya-a-new-kind-of-video-game-console

    Olha só a fantástica pérola que achei para Android que casa perfeito com o console. Imagina um jogo como Superstar Shooter.

    Curtir

    • Nossa, sensacional Dancovich!

      Ouvi falar muito deste console nas últimas semanas, o mais legal da proposta deles, é que terá suporte para desenvolvimento para quem quiser fazer os jogos, muito bacana isso.

      E sobre esse jogo, me lembrou outro de iOS que gostei muito, mas infelizmente só tem o primeiro episódio e não fizeram mais updates por enquanto, se chama Grokion:

      Ele tem uma bela trilha sonora que é disponibilizada gratuitamente pelos desenvolvedores:

      http://www.dododomination.com/2011/01/grokion-inception-ost-free.html

      Curtir

    • @Kleber Verdade total, Kleber. Os indies têm nos salvado de viver atirando na segunda guerra o dia inteiro (risos) e nos levando ao espaço sideral (não deveríamos ter saído de lá né? Rsrs), certamente você conhece Jamestown, imagino? Caso não: http://bit.ly/muUNIw Abs!

      @Dancovich Noooossaa senhora pra esse Megatroid também Danilo! Caraca, babando, MESMO, pra jogar esse negócio. Parece jogo de Commodore, Amiga, Flashback, Turrican, tudo junto! E que música!!!!

      Nota: Danilo até mandou email pros desenvolvedores desse Megatroid e os caras responderam dizendo que devem portar para o OUYA, sim! Um joystick ele precisa e terá! Valeu Danilo!

      Curtir

  8. Olá Eric, eu me chamo MarCel’ e acompanho há muito tempo o Cosmic Effect. Meus parabéns pela qualidade e a quantidade de informações que você disponibiliza aqui no CFX. Assim como você também curto videogames e também escrevo no meu blog (no momento eu toco o Game Boy Classics e sou colaborador do QG Master).

    Gostei muito da matéria sobre Super Star Shooter. O game é bem retrô e é de uma nostalgia sem igual. E afinal? O desenvolvedor do game respondeu?

    Também estou te escrevendo para recomendar um game que sou muito viciado e que talvez lhe agrade em cheio. O jogo lançado para Nintendo DS (que não sei se vc possui) e se chama Nanostray 2 – um shooter das antigas que possui muitas sacadas bacanas.

    Conheci o game por meio de uma compilação que vi no Youtube (100 Nintendo DS in 10 minutes ou algo assim) e me amarrei desde o primeiro tiro. O jogo alterna entre Scrool lateral e vertical de acordo com a fase. Cada uma possui trilha sonora própria (algumas de ótima qualidade) além de um sub-chefe e chefe.

    Apesar de ser uma continuação o game em nada lembra o primeiro, que aliás é bem mais fácil quando comparado com o segundo. O grande destaque do jogo são os canhões que podem ser configurados em até 3 posições diferentes e intercambiáveis durante o decorrer da ação (ficou curioso? dá uma olhadinha no gameplay no youtube)

    Bom, eu inicialmente pensei e te mandar um e-mail, mas comecei a comentar por aqui e acabei me empolgando e escrevendo demais. Hehe (^__^)

    Espero que curta minha dica já que sei o quanto você curte um bom shooter.

    Um abraço e até a próxima.

    Curtido por 1 pessoa

    • Fala Marcel.

      Vou responder pelo Eric pq já sei a resposta dele quanto ao Nanostray, ele não conhece (não tem Nintendo DS).

      Já eu joguei o 1 e o 2, o segundo sendo muito melhor na minha opinião mas mesmo assim ambos são excelentes jogos. O que acabou tirando minha empolgação deles e principalmente do segundo foi o pad direcional do DS, que negócio ruim de usar para shmups!

      No reino dos smartphones um jogo excelente é o Icarus-X. É um clone sem vergonha do Ikaruga para arcade/Gamecube/Xbox 360 – até o nome parece – mas é muito bem feito. É mais um daqueles jogos que parece um desperdício não ser lançado para consoles.

      Icarus-X: http://bit.ly/QLDWHA

      Curtido por 1 pessoa

      • Peguei esse Icarus-X para iOS, é muito bom mesmo (e BEM difícil, hehehe)

        Curtir

      • Valeu Dancovich! Ikaruga eu já ouvi falar mas vou dar uma “jogada” no youtube. Quanto ao D-Pad do DS, eu tenho que concordar que algumas vezes a falta de precisão atrapalha um pouco. Tô sentindo falta de matéria para portáteis aqui no CFX (sei que o Eric tem um Game Gear pois acompanhei o Cosmic Fast).

        Um abraço!

        Curtido por 1 pessoa

    • Joguei muito Nanostray 2 quando eu tinha um Nintendo DS equipado com o R4(os fortes conhecem he he he)o problema é jogar shooters em telas de portáteis,fica difícil mesmo,mas o game é bom mesmo,também recomendo ao Cosmonal dar uma olhada no Youtube.

      Curtido por 1 pessoa

    • Fala Marcel’, que legal tê-lo por aqui conosco meu velho! Rapaz, claro que lembro de você, eu assinava o feed do seu Na Praia4 e acompanho o QG Master que você estreou recente entrevistando nosso amigo Gagá!

      Sobre o email, o japa ainda não respondeu, rsrs… o email não deu erro, portanto o endereço ainda existe, caso ele responda, coloco aqui pra gente.

      Nanostray 2, rapaz, vendo o gameplay aqui e… puuuttzzz, fiquei empolgadíssimo. Rapaz, meio “Gradius V”, trilha parece ser até de mesmo compositor pô, e o gameplay é mesmo “das antigas” como falou — fora que parece super bem-feito visualmente! Rapaz, como Danilo mencionou, não tenho o DS, vou dar uma olhada como anda a emulação imediatamente pra jogar o Nanostray, pode escrever. Valeu pela super-dica. Uma pena mesmo não ter o DS, e Danilo teve uma infelicidade e o dele foi pro saco também, senão certamente falaríamos de jogos dele e qualquer sistema portátil, com toda certeza.

      Valeu mesmo Marcel’!

      Curtido por 1 pessoa

  9. Fala CE Team!!

    (vendo o CC e comentando ao mesmo tempo)
    Nossa, essa sacada da luta do Blanka com a Chun Li no cenário do Pitfall foi muito boa, se fomos ver é o cenário do Blanka mais retrô…rs
    Opa, vi Donkey Kong ali, amo muito…rs
    Notebook no clima do jogo em questão mais uma vez…rs

    Que sensação boa ver o controle do Mega em ação, bate uma coisa lá no peito…hehe
    Me lembro que na época queria um controle turbo e acabei comprando esse Turbo Pad:

    Puts, o controle não era ruim, mas o direcional tinha umas pontas que acabava com meu dedão, era muito duro, jogos de luta era um martírio, daí sempre voltava para o bom e velho controle original do Mega…

    “Wii escorregou”…hahahaha
    Sei sei, sei muito bem que “escorregou”, isso aí tá mais pra uma breve propaganda do que deve estar por vir futuramente (ou não), Eric pilantra já atiçando as lombrigas do pessoal…rs

    Essa nave do Super Star Shooter me lembrou do Black Kamen Rider não sei porque..rs

    Esse tempo põe um terror psicológico terrível, não gosto muito dessa sensação não…rs

    Quem nunca passou um tempão nos “sound tests” da vida admirando as musicas do jogo.
    Me lembro que colocava no sound test do Street Fighter II e ficava brincando de outra coisa ouvindo musica pela TV da sala, mas algumas não duravam nem meio minuto, era complicado, coisa de criança né…rs

    AAA (pilha Duracell)…rs

    A missão do OUYA é muito boa, e o console terá o tamanho de um cubo mágico, estou bem curioso para ver em ação essa belezinha e sua proposta de jogos…

    Bom final, como sempre ele guarda boas surpresas.
    Parabéns a todos os envolvidos, mais um ótimo programa com uma ótima mensagem de dedicação e paixão pelo o que essas pessoas fazem, existe muito sentimento por detrás dos pixels!

    Valeu!!

    Curtido por 1 pessoa

    • Rapaz, esse controle aí que você comentou era horrível mesmo! Me dá até sensação ruim em ver a foto dele… esses botões sem concavidades… direcional “pontudo” ah, que coisa ruim! hehehehe

      E bem observado, lembra um pouco do climão de Black Kamen Rider mesmo! Essa coisa meio tecnológica e orgânica ao mesmo tempo!

      Curtido por 1 pessoa

    • Haha, bela lembrança desse turbo pad do Mega. Era o Mega Drive com “select” (risos)!

      Sim, mister Julio, a escorregada do Wiimote pode não ter sido totalmente sem querer hein… ;-) “atiçando as lombrigas do pessoal” AHAHAHAH! Ih rapaz, não é que lembrou mesmo? A “cabeça” da moto especialmente, putz. Estética anime ou as referências não param? :)

      Você falou do soundtest de SF2, te juro que imagino a última música do soundtest desse episódio, aquela que não aparece no jogo, achei ela “a cara” de SF2, mas posso estar enganado. Deve ser porque é tão bonita quanto.

      “Muitos sentimentos por detrás dos pixels”! TUM! :)

      Curtido por 1 pessoa

  10. já vale a pena jogar só pelo quesito game music, porem, jogabilidade excelente, nostalgia pura. Seria interessante um cosmic cast sobre metroid (mais um retro) que sem duvida é uma obra-prima da nintendo. Parabéns pelo video cast, muito bom

    Curtido por 1 pessoa

  11. @ANDREY

    Andrey vc está impossível!Chun Li e Blanka inseridos em Pitfall…sensacional meu velho,adorei!E como se não bastasse vc invoca 2 dos maiores personagens de todos os tempos nos games e que eu sou super Fã,Mega Man e HERO…muito demais mesmo Andrey!
    A montagem do Donkey Kong e a prometida finalização do Altered Beast ficaram WOW ótimas!!!Quer dizer,vc prometeu e fez,Grande Andrey vc é o cara.

    @ERIC Cosmonal

    Tudo bem Eric? e aí,quanto custa essa camiseta do CFX,eu curti. :)
    “I don’t need your ‘DONATE’. However, please give the
    playing impression to me….”

    Quando leio frases como esta acima eu me pergunto se os jogos atuais(COD,Sleeping Dogs,Uncharted,Dead Island…)daqui uns 25 anos ainda serão lembrados e/ou comemorados da mesma forma que os nossos clássicos são hoje.Espero que sim.
    SSS é uma pérola mesmo,boas musicas hein?!E é um Homebrew,incrível mesmo.Eu amo e odeio shooters porque sou um jogador medíocre,mas até hoje dou uma “visitada” nos clássicos do NES,SNES e MD.Essa mecânica da bomba roubar tempo do timer e obrigar o jogador a fazer uma estratégia é sensacional,gostei dessa.
    / TIME UP!
    No balanço geral o que mais impressiona em Super Star Shooter são as músicas,e olha que chamar a atenção dentro deste gênero(shooter)que é repleto de clássicos…ufa! não é pouca coisa mesmo.Cast sensacional!!!

    Curtido por 1 pessoa

    • Olá Dactar!

      E em breve aguarde mais participações dos SNES nas aberturas.
      Alguma sugestão? Quem sabe “Megamanização de Pitfall” ? Ou quem sabe uma “Castlevanização de Double Dragon” ? Vc decide!
      Rss
      Valeu Dactar!

      Curtido por 1 pessoa

      • Andrey,acredito que Mega Man combina com qualquer idéia retrô.Digo mais,se eu fosse escolher o personagem que melhor representa o sentimento “jogos antigos” nos jogadores daquela época eu ficaria com Mega Man.É um puta ícone dos pixels!Mais do que Mário(polêmica Mode:ON)
        Castlevânia,putz é outro gigante.Andrey a escolha aqui é difícil…he he he.

        Curtido por 1 pessoa

  12. O mais legal deste Cosmic Cast é que não o esperávamos. É como ganhar um presente sem nem mesmo ser o dia de seu aniversário.

    “Ops, escorregou o Wiimote” Esse Eric está cada vez mais fanfarrão! :-) Ri demais, voltei essa parte umas 3 vezes! E a cara que faz no AAA (Duracell) me lembrou o Marcelo Adney (um ator/comediante).

    Eu já conhecia esse Homebrew Channel, tenho um amigo que me mostrou ele no Wii. Com ele, abri minha mente para a questão do desbloqueio de consoles, me fez enxergar que há todo um outro lado e não só a pirataria. Temos que bater palmas para essa comunidade e caras como o que fizeram este jogo.

    E aquela música “secreta”, me lembrou a música tema do Guile, mas como se fosse de trás pra frente, hehehe, devo estar maluco!

    E sobre escrever para o desenvolvedor falando sobre o jogo, muito legal sua atitude. Acho isso muito importante! Pois, até mesmo no documentário citado (Indie Game The Movie), vemos que boa parte do reconhecimento que os desenvolvedores esperam dos jogadores, não são elogios, mas sim o entendimento e saber que os gamers acham de seu jogo.

    Hoje com a internet, é muito legal esse contato direto que temos. Off Topic, andei jogando o remake de Tony Hawk’s Pro Skater da XBLA e gostei de algumas músicas novas que colocaram. Uma delas era até disponibilizada no site da banda gratuitamente, mas não tinha a letra, mandei um e-mail explicando que tinha gostado, que não tinha a letra, pedi educadamente e me mandaram! Acabei até postando ela no Youtube, é um estilo bem diferente, com timbres de teclado/piano, quem quiser conferir, um grande abraço e parabéns a todoa equipe CFX!

    Curtido por 1 pessoa

  13. Saudações à todos!
    Como vão?
    Os Comic Casts são sempre muito gratificantes de se assistir. Pelo menos comigo, tenho a impressão de ter sido consultado pessoalmente devido à quantidade de referências que batem, diretamente, com minhas preferências.
    Este caso em especial, mostrou um estilo de game que curto muito, os shooters e suas trilhas sonoras fréneticas, assim como toda a sonoridade tão comum nos chip sets dos games dos anos 80 e 90. Eu curto, em especial, as melodias produzidas pelo chip Yamaha do Mega Drive.
    Aproveitando que não pude comentar no último vídeo da homenagem ao Atari… digo que, num modo geral, os jogos envelheceram bem e, não consigo jogar a grande maioria deles. Em compensação, os da Actvision – como Frostbite, River Raid,Pitfall e HERO – nunca os abandoneis… estes se tornaram atemporais.
    Até mais!

    PS: Eis que, finalmente, vi o “Pitfall Beast” na abertura do Cosmic Cast. Sonho realizado! Heheheheh!

    Curtido por 1 pessoa

    • @Marcos B. Obra-prima total, Marcos, e pô, Super Metroid tem de ter um Cosmic Cast especial, um pecado não ter ainda, pode aguardar… ;-) Abração!

      @Dactar Haha, advinha de quem é a arte dessa camisa? Sim, Andrey andou fazendo a “Moda CFX 2012, para o retrojogador moderno” (risos), ele fez umas 3 artes diferentes e eu fiz essas camisas só de brincadeira mesmo, rs, a do próximo episódio é bem curiosa por sinal, rs

      É mesmo Dactar, e o SSS é até tranquilo, mas shmup é difícil por natureza pra todo mundo, tem jeito não, rs. Depois até descobri que, pasmem, as músicas todas são de autoria do próprio programador de jogo, que coisa esses japoneses viu…

      @FrankCastle Haha, valeu pelo “presente” Frank, que legal! Mas o jogo era tão simpático que precisava de um episódio “urgente”, não. Hahaha, o “momento AAA” lembrou Adnet, putttzzz, o melhor da MTV! Aquele cara é “o” cara.

      E é verdade mesmo o lance do homebrew, realmente é muito, MUITO mais do que jogar ilegalmente: é democratizar o uso da máquina. E eles são apaixonados, preciosistas… nem tá no vídeo e você conhece, mas pra quem nunca viu: o browser do homebrew (browser de aplicativos) tem uma interface sensacional, tudo descrito, parece Live, PSN, Steam — e sem um centavo envolvido.

      “E aquela música “secreta”, me lembrou a música tema do Guile, mas como se fosse de trás pra frente, hehehe, devo estar maluco!” NÃO MESMO!!!! Foi o que pensei e também fiquei com um pé atrás pra comentar!!! Valeu Frank!!

      Pô, sensacional a música (mesmo! Lembra The Killers e o finado New Radicals, adorei) — e parece bobo/clichê, mas é uma coisa genuinamente interessante da era atual: podermos contactar os “prós”. Antes era tudo tão distante… era legal, mas vamos curtir ter esse contato que agora nos é propiciado :) Abração Frank.

      Curtido por 1 pessoa

      • Agora fiquei curioso Eric qual será o jogo da próxima camiseta?Alguma coisa by SEGA ou Microsoft?Mistério…
        :)
        Caraca então as músicas são todas do Ichiroh Satoh???O cara é um puta japa multimedia ha ha ha!

        OFF TOPIC:
        Valeu por fazer os uploads do Atari 2 e 3,e deste aqui também…há! Cosmonal! e o tamanho deles ficou legal também!Quando subir o original dos Extras do Arnaldo avisa aí.

        Curtido por 1 pessoa

    • @Douglas Deiró É Douglas, estamos em sintonia total, muito bom! E só ouvimos Yamaha neste episódio inteiro, foi uma curtição mesmo. Nota: parava a edição a todo momento e deixava a música rolando no Sony Vegas, rs…

      E sem dúvida, os da Activision… parecem melhorar a cada dia, a cada partida… e isso em 2012! Sem exageros!

      Pitfall Beast nesse episódio… do seu pedido no último comentário diretamente para “as telas” (risos)!

      Curtido por 1 pessoa

      • Sem sombra de dúvidas, essas belezinhas gamísticas que possuem seus “30 e poucos anos” são fantásticas. Vê-las todas aqui no Cosmic Effect está sendo como voltar à décado de 80 e 90.
        E o Pitfall Beast? Eu fui ao delírio assim que vi: “Caraaaaca! Olha ele lá!”. Heheheh!
        Até mais!

        Curtir

  14. Adorei a homenagem a XEVIOUS!! rsrs Muito bom mesmo! Bem sacado!

    Curtido por 1 pessoa

  15. Alguém se ligou que a nave, na verdade não e uma nave, e sim a Hatsune Miku(ou Miku Hatsune, se você preferir a leitura ocidental ;)), voando com os braços abertos?
    Em 5:10 minutos, dá até para ver o selinho “Miko Hatsune Insiede”
    Muito legal.

    Obrigado pelo excelente review do jogo.

    Curtido por 1 pessoa

    • Exatamente! Miku Hatsune Inside…não acredito que não percebi isto antes,bem na minha cara,ha ha ha ha.Mas é verdade não é uma NAVE e sim a bela moça MIKU HATSUNE “voando” entre as estrelas!
      Valeu OJapa se não fosse vc eu só ia perceber isso muito depois.

      Miku Hatsune voando no Youtube.
      http://migre.me/ag4Vb

      Curtido por 1 pessoa

      • Só um adendo: A versão do SSS WII do Cosmonal é V1.1.0 mas eu achei uma versão anterior a V0.8.8 que não faz nenhuma referência a Miku Hatsune,logo formato da nave é normal na tela.

        SSS sem Miku Hatsune.
        http://migre.me/agcOR

        Curtido por 1 pessoa

        • Caramba!!! Putz, valeu OJapa e Dactar pelos esclarecimentos. “Os nossos japoneses são melhores do que os dos outros”. Dactar achou até a versão anterior, rapaz, que legal viu. Caramba, acho que tem como acionar aquele sprite da nave pelos “dips switches”, quem sabe? Rapazes, valeu viu, vocês são “os caras”.

          Curtir

    • Ummm.. sabe que no primeiro momento pensei nisso. Parecia uma pessoa voando. Mas não conhecia a Miku e achei ser algum design neo-hiper-retro ou algo assim. rss
      Realmente. Detalhe interessante.
      Valeu!

      Curtido por 1 pessoa

  16. Que barato esse joguinho, ótima garimpagem, Eric!

    E que música é essa, velho? Alto nível! Adorei esse negócio. O lance de ainda poder jogar em modo clássico foi a cereja no bolo. Tomara que esse sujeito faça mais jogos!

    Olha, se a indústria entrar em colapso como alguns urubus afirmam que vai entrar, não será problema algum. Com a turma do homebrew nesse pique, não vai faltar jogo bom para a gente jogar.

    Ah, comédia total você lendo o “engrish” no final do programa, rs… lembra até uns contatos que eu tenho aqui no meu trabalho de tradutor, volta e meia tenho que conversar com chineses, e o inglês deles é uma loucura ^_^

    Parabéns por mais um ótimo programa!

    Curtido por 1 pessoa

    • Gagá meu velho, vou até providenciar as músicas desse joguinho pra gente baixar e escutar viu…

      E fiquei com vergonha agora do engrish do japa intensificado pelo meu engrish, logo o Gagá vendo isso, ai meu Deus… rsrs

      Curtir

      • Se fizer mesmo isto, disponibilizá-las, nós viciados em “musiquinhas de games”, seremos eternamente gratos

        Heheheh!

        Curtir

  17. Turma, subi a trilha sonora inteira do Super Star Shooter para vocês baixarem:

    http://www.4shared.com/archive/OlyRJSeV/Super_Star_Shooter__Wii_Editio.html

    Quem for usuário do Underground Gamer, fiz um torrent lá com a mesma trilha (se possível, seed!)

    http://www.underground-gamer.com/details.php?id=59088

    Está tudo organizadinho, nomeado a partir do sound test do jogo, encodificado em máxima qualidade, etc… Abração e aumentem o volume!

    Curtir

    • Graaaande Cosmonal!!!! Já estou ouvindo aqui,muito fera mesmo!!!
      A faixa “CONFLICT” é a minha preferida.Hee Hoo.Thanks!

      Curtido por 1 pessoa

      • Opaaa, preferida aqui também a Conflict! Estamos em sincronia de playlist!

        Curtido por 1 pessoa

        • Muito bom esse jogo! O conceito de jogos “time attack” ou “caravan shooters” jé é antigo no Japão. Lá existe a cultura dos “superplayers”, os caras são maníacos por altas pontuações, há campeonatos de grande importância, com trasnmissões ao vivo, platéias enormes, é uma verdadeira festa.

          Como o Dactar já havia mencionado, SUPER STAR SHOOTER tem por referência maior SUPER STAR SOLDIER do PC Engine. O trabalho ficou excelente, vou tentar jogar esta maravilha e escrever sobre ele no TASBPAN (TODAS AS SUAS BASES PERTENCEM A NÓS). http://www.filosofiashmup.blogspot.com

          Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: