Nintendo Wii e o YTboard Project

Amigos, este é um post off-topic, mas nem tanto…

O Nintendo Wii foi mais que um console de videogame: ele mudou os rumos da indústria, deixou todo mundo de boca aberta com a possibilidade de jogar com aquele nível de interação e desprezou avanços típicos, como a força-bruta de processamento. Quase 5 anos depois, controles de movimento em videogames domésticos são lugar comum, mas em 2006… é só perguntar para qualquer jogador de videogame: ele descreve com riqueza de detalhes sua primeira partida de Wii Sports.

Pouco tempo após o lançamento do Wii, o Arnaldo Diniz, amigo de longa data e meu “personal Professor Pardal” (ele é o arquiteto por trás do SuperConsole, e isto é apenas um exemplo do que ele já fez por mim) veio a minha casa conhecer o novo console tão falado. Fã da Nintendo e de certos jogos disponíveis para seus consoles  – em 1996 me fez sequenciar uma MIDI da música de abertura de Final Fantasy… – e, principalmente, da abordagem criativa que a empresa sempre costuma fazer a cada nova geração, ficou completamente seduzido pela eficiência e simplicidade do Wiimote. Jogou Wii Sports por quase 2 horas seguidas, investigando cada detalhe da experiência, enquanto eu tentava colocar um mísero teclado sem fio para funcionar no meu PC, para mostrar alguns jogos next-gen depois da sua sessão de tênis. Ele nem se interessou pelos gráficos de Mass Effect, Dead Space… depois de conhecer o Wii :P

Tempos depois, seu projeto de graduação de Ciências da Computação gravitava em torno de experimentos que envolviam a tecnologia de detecção de movimentos do Wiimote – chave da revolução proposta pelo Wii. A Nintendo decidiu utilizar a especificação bluetooth na conexão do controle com o console, que é uma tecnologia devidamente padronizada e não-proprietária (todos podem utilizá-la sem pagar royalties); portanto, qualquer pessoa + um computador pode fazer uso das capacidades do Wii Remote. Diversos projetos surgiram, variando entre acionadores de timbres de bateria eletrônica até sistemas que controlam uma casa inteira. Um destes usos alternativos é aproveitar o Wiimote para obter uma lousa interativa de baixíssimo custo.

Após conhecer alguns projetos do gênero (que, até então, só existiam fora do Brasil), o Arnaldo decidiu partir para estudar detalhadamente as entranhas da tecnologia e… encurtando a história, ele hoje ensina, gratuitamente, como montar um kit completo que permite qualquer pessoa ter uma lousa interativa, através do seu site YTboardProject.com. Escreveu um software que fazia parte do sistema da lousa interativa para seu projeto final de graduação e deu seguimento após o término do curso – aperfeiçoando a ferramenta em diversos aspectos. Com interface elegante e funcional (muitos softwares nacionais, infelizmente, não recebem estes cuidados – os programas do Arnaldo não têm este “problema”), o programa oferecido pelo projeto cuida da comunicação entre o Wiimote, o bluetooth do sistema operacional (Arnaldo inclusive o tornou compatível com as versões 64-bit do Windows), além de oferecer uma ferramenta de anotação – que permite efetivamente usar o sistema como um quadro branco virtual.

No site, além de ensinar e ceder uma versão do software para download gratuito, ele oferece suporte e aceita sugestões da comunidade – que contribue continuamente para o sucesso e valor do produto final. Adicionalmente, o Arnaldo oferece um kit completo, com canetas infra-vermelho de alumínio (manufaturadas para este fim), Wiimotes que não necessitam de pilhas e software que garante estabilidade máxima à conexão bluetooth no sistema Windows (Bluesoleil).

Como apóio o Arnaldo em suas diversas empreitadas científicas há quase 2 décadas, com o YTboard não seria diferente: fizemos um vídeo para contribuir com a divulgação do seu projeto, através do dinamismo próprio desta mídia. Sem mais delongas, convidamos a conhecerem e, quem sabe, divulgarem seu projeto a quem tiver interesse – seja para fazer uso em sala de aula, apresentações, etc. ou simplesmente para interessados em tecnologia. Apesar do conteúdo não estar diretamente ligado aos videogames, a tecnologia barata e eficiente do Nintendo Wii bem utilizada por um também retrogamer – por volta do ano 2000 nós dois até fizemos uma banda na qual, nos ensaios, marcavam presença músicas de Out Run, Sonic e R-Type, dentre outras :) – é o gancho para que, quem sabe, aceitem o nosso convite de assistir o vídeo a seguir…

Este não é um Cosmic Cast/Fast, mas nós do Cosmic Effect ficamos honrados em contribuir de alguma maneira para este projeto sensacional – que provavelmente nem existiria, não fosse um… console de videogame. Esperamos que os amigos retrogamers que nos acompanham curtam o Projeto YTboard do Arnaldo Diniz :)

Site do projeto: YTboardProject.com // Twitter do YTboard: @ytboard

O vídeo conta com arte/animações do AndreyZX e edição & trilha sonora original do Cosmonal.

* * *